sexta-feira, 8 de julho de 2011

Será que ela só quer vender? ein gaga?

Desde que surgiu na cena pop, Lady Gaga se transformou na maior diva dos gays. Em retorno, ela tem sido uma das mais ativas vozes pró-direitos da comunidade LGBT. Ela já comprou briga dos homossexuais nas forças armadas, e vibrou muito ao saber da aprovação do casamento entre pessoas do mesmo sexo no estado de Nova York. Mas há quem diga que tudo não passa de puro marketing para vender álbuns. 
Gaga não gostou nem um pouco da acusação feita e revidou dizendo:  fez questão de dizer que ela mesma faz parte da comunidade LGBT, especificamente da letra B. Sobre a música que dá nome ao seu novo álbum, Gaga afirma que não é apenas sobre nascer em um momento, e sim renascer diversas vezes até que se encontre aquela pessoa corajosa e única dentro de você que esteja pronta para conquistar o mundo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário